El Quimbo, projeto hidrelétrico na Colômbia

Por Radio Mundo Real.

A imagen que mostraram os meios de comunicação da Colômbia sintetizava a situação do conflito ambiental. Apesar dos protestos massivos, no sábado 3 de março as 5:37 da tarde pode-se ver o primeiro fio de água do canal artificial, produto do desvio do rio Magdalena.

Poucas horas antes, centenares de militantes em diferentes pontos do país protestaram contra o projeto hidrelétrico El Quimbo, que afetaria a vários municípios do departamento de Huila.

El Quimbo é um projeto avalizado pelo governo e levado adiante pela Emgesa, filial das transnacionais Endesa e Enel, e que segundo as estimativas inundaria  7300 hectares, expulsando em torno de 800 famílias de seus territórios.

Algumas das manifestações foram reprimidas por efetivos policiais, enquanto os responsáveis da empresa mostravam sua satisfação pelo avanço do projeto.

Apesar disso, ocorreram novas mobilizações, entre elas as convocadas para o 14 de março no marco da segunda Jornada pela defesa dos Territórios, na cidade de Medelín.

Radio Mundo Real entrevistou a Juan Pablo Soler, integrante de Otros Mundos Colômbia, e do movimento Rios Vivos, que fala da crescente criminalização por parte do governo e dos falsos argumentos que manejam os impulsionadores do projeto. “Falam de novos apagões e  é algo totalmente falso, porque hoje a  Colômbia já exporta energia”, afirmou.

Ouça aqui a entevista:  Siguen-en-alerta?lang=es

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: